Notícias

1 de Janeiro de 2001 às 23:59

Contraf-Cut e Bradesco negociam no dia 23

A Contraf-CUT e o Bradesco retomam no próximo dia 23 o processo de negociações permanentes após a Campanha Nacional. A reunião está agendada para 15h, na sede do banco, na Cidade de Deus, em Osasco. “Vamos reapresentar nossa pauta de reivindicações e cobrar do Bradesco seriedade nas negociações. Nossas demandas estão em debate já há algum tempo e temos pressa em resolvê-las. Principalmente quando o tema é condições de trabalho”, afirma Pedro Sardi, diretor da Fetec São Paulo e membro da Comissão de Organização dos Empregados (COE). Entre as principais reivindicações dos bancários estão a isonomia entre os funcionários dos bancos incorporados, um novo Plano de Cargos e Salários (PCS), auxílio-educação e mais segurança. “Também reivindicamos a melhora nas condições de trabalho, pois a qualidade de vida dos bancários do Bradesco está caindo a cada dia. Um bom começo é realizar o curso do Treinet dentro do horário de trabalho e que ele seja opcional”, afirma Pedro. O diretor da Fetec destaca que os bancários também vão exigir o fim do assédio moral, principalmente com a proibição da exposição do ranking do desempenho das agências nos locais de trabalho. “Queremos ainda a democracia e transparência na gestão do Plano de Saúde”, finaliza Pedro Sardi.



Sindicato dos Bancários de Dourados e Região - MS

Rua Olinda Pires de Almeida, 2450 Telefone 0xx67 - 3422 4884