Banco do Brasil

14 de Dezembro de 2017 às 15:33

BB paga gratificação de função cortada

Mais uma vitória para os funcionários do Banco do Brasil. A empresa vai pagar, depois de perder pela terceira vez o recurso judicial, junto com o salário de dezembro a gratificação de função aos bancários que exerceram cargo gratificado por 10 anos ou mais. O pagamento é fruto de ação civil pública movida pelas entidades sindicais.

Será levada em conta a média dos valores recebidos nos últimos 10 anos. Se não obedecer a ordem judicial, o Banco do Brasil terá de pagar multa de R$ 1.000,00 por empregado.  

Quem foi prejudicado com a reestruturação e não receber o valor deve se informar e verificar os motivos. Por conta da súmula 372, editada pelo TST (Tribunal Superior do Trabalho), fica impedida a retirada da gratificação sem justa causa aos empregados que exercem a função a 10 anos ou mais. 

A Justiça tinha concedido liminar determinando o pagamento em primeira instância e foi mantida com algumas alterações em segunda instância pelo Tribunal Regional do Trabalho. No entanto, a direção do BB ingressou com correção parcial no intuito de cassar a decisão proferida em mandado de segurança pelo TRT. Mas, a luta dos sindicatos, através da ação civil pública, foi garantida pelo TST. 



Diretoria

Carlos Alberto Longo
Vice-presidente
Alcindo Machado Franco
Suplente
Marcos Pereira Araújo
Suplente
Claúdio Aparecido dos Santos
Suplente
Daniela M. da Costa
Suplente
Christian Luiz Pereira
Suplente

Sindicato dos Bancários de Dourados e Região - MS

Rua Olinda Pires de Almeida, 2450 Telefone 0xx67 - 3422 4884